Família Vende Tudo - Cinema com Raphael Camacho

Um novo gênero musical (inventado para o filme), uma abordagem as vezes interessante e um esforçado elenco, compõe as primeiras impressões do novo longa de comédia ‘Família Vende Tudo’. Dirigido por Alain Fresnot (que dirigiu o ótimo ‘Batismo de Sangue’), repleto de atores de renome da nossa dramaturgia, conta a história de uma família bem humilde que tenta dar um golpe em um cantor famoso.

O som no início do filme é abafado e cria uma certa angustia aos espectadores, principalmente, aos que sabem dos grandes problemas com a qualidade dos nossos áudios numa época passada.

Desnecessária algumas cenas de nudez. Marisol Ribeiro em seu primeiro trabalho nas telonas tem algumas cenas desse tipo durante o longa. Luana Piovani também tem uma cena semelhante. Nosso cinema acabou com esse tipo de ‘nudez gratuita’ a muito tempo, tomara que não voltemos a tempos nebulosos da nossa sétima arte.

O longa tem falas esquisitas e que soam muito mal quando há a reprodução. Exemplo: “Ele é mais cheiroso que na TV”.

Lima Duarte sempre muito competente tenta ser um dos pontos altos do longa. Em uma passagem da trama, aparece jogando carteado no boteco com o ator que fazia parte do elenco do ‘Telecurso 2000’ . Isso me fez relembrar a minha infância.

Marisa Orth, aparece pouco, mas é muito boa a cena em que aparece como pastora, pregando com palavras e gestos. A personagem Glória é bem caricata mas não consegue bons diálogos quando interage com os outros personagens. Beatriz Seagal é uma das boas atrações do filme. Abusa de seu talento na pele de uma apresentadora daqueles programas sensacionalistas que conhecemos bem. A caracterização dos personagem, figurino e cenários ajudam a mostrar bastante realidade durante a produção.

O desfecho do personagem principal, interpretado por Caco Ciocler, é atual, transformando o chique em algo religioso.

É um longa nacional que vai rodar os cinemas de todo o Brasil. Tem muitos problemas, mas vá ao cinema para prestigiar a nossa sétima arte. Quem sabe não tem uma opinião diferente!

Comentários

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *