sexta-feira, 16 de setembro de 2011

Pronta para Amar - Cinema com Raphael Camacho

Personagens pouco carismáticos e extremamente fora de sintonia. Não houve ligação alguma, e para um filme do gênero drama isso é quase que assinar um atestado de roteiro ruim. Com 9 minutos de fita, esse novo filme de Kate Hudson, já se torna o longa com mais clichês do ano. Kate exagera mais uma vez. Uma atriz muito irregular e que nesse caso, distancia o público a todo tempo da história.

Na trama, uma jovem publicitária de sucesso descobre que tem câncer e ao mesmo tempo se apaixona pelo seu médico.

A eminência do longa virar uma espécie de Doce Novembro 2 fica clara a cada cena que passa. Pena que a filha famosa da Goldie Hawn não é a sul-africana mais bonita e talentosa do cinema, Charlize Theron. Gael Garcia Bernal, par romântico da protagonista nessa produção, tem sua pior atuação em filmes hollywoodianos. Kathy Bates fica tentando, nas vezes que aparece, levar o filme nas costas, pena que nesse caso uma andorinha não fez verão.

O filme tenta fugir dos padrões desse tipo de drama, porém, não consegue estabelecer qualquer tipo de vínculo emocional, verdadeiro com o público, deixando o mesmo decepcionado.

A produção estréia dia 16 de setembro e ainda bem que temos outras estréias para conferir!

Um comentário:

  1. Gosto muito de Gael Garcia Bernal, mas Kate Hudson... E de qualquer forma, parece ser apenas mais um drama qualquer.

    http://cinelupinha.blogspot.com/

    ResponderExcluir