sexta-feira, 13 de abril de 2012

Crítica do filme - 'Titanic 3D'

Lembram do Jack e da Rose? Da célebre frase “Eu sou o rei do mundo”? E daquela velinha maluca que joga um colar valioso no fundo do oceano? Sim, cinéfilos, Titanic está de volta, só que agora em 3D. A tecnologia abençoada por James Cameron (diretor desse, que é o segundo maior sucesso de bilheteria da história do cinema) abraça a saga do navio que naufragou antes de chegar ao seu destino. A saga dos apaixonados, que muitos fãs sabem de cabo a rabo, promete voltar a emocionar o grande público que irá conferir nos cinemas essa produção ganhadora de muitos Oscars.

A trama é a mesma (obviamente falando). Em uma viagem do que até então era o maior navio já construído (Titanic), Rose (Kate Winslet) é uma jovem rebelde da alta sociedade que está de casamento marcado com seu ambicioso, chato, rico, noivo Caledon 'Cal' Hockley (Billy Zane). Desiludida e deprimida à bordo do Titanic, ela tenta o suicídio mas é salva por um rapaz, assim conhece Jack Dawson (Leonardo DiCaprio), um nômade, desenhista, aventureiro que ganhou a passagem de navio em uma mesa de pôquer minutos antes do mesmo iniciar viagem. Após muitos encontros agradáveis, Rose se apaixona pelo rapaz. As diferenças sociais fazem com que muitos se oponham ao relacionamento que surge, além do fato de que aquela nova relação era uma traição que acontecia aos olhos do noivo enfurecido. Nesse mar sem fim de confusões, acontece o famoso trágico acidente e que transformam o filme num drama de proporções únicas.

O interessante é analisar o que vão achar as pessoas que só viram esse filme em DVD e nunca tiveram a oportunidade de conferir esse grande sucesso nas poltronas confortáveis dos cinemas. A emoção de estar sentado de frente, à esse longa metragem, é a sensação que muitos amantes da sétima arte querem sentir. É um caso de curiosidade cinéfila evidente. O filme será relançado nesse mês, abril, pois marca 100 anos da história do mega navio que deixou a costa inglesa em 10 de abril de 1912, afundando quatro dias depois.

Já prepararam os lenços? A viagem de 190 minutos já vai recomeçar, em três dimensões! 

0 Postagens cinéfilas:

Postar um comentário

 
Copyright © Guia do Cinéfilo | Theme by BloggerThemes & simplywp | Sponsored by BB Blogging