Another Year (Um Ano Mais)

 Um filme muito simpático que tem diálogos sensacionais, fato que me fez lembrar de cara no clássico “Invasões Bárbaras”. Assim começo relatando a primeira impressão que tive desse novo filme do Mike Leigh (diretor dos excelentes: “O Segredo de Vera Drake” e “Segredos e Mentiras”).
Sem dúvidas era um longa, ao meu ver, com a cara da Academia(Oscar). Baixo orçamento, atores experientes, que dão a dinâmica na medida certa para o andamento da história. 
Todos esses elementos poderiam ser brindados com algumas indicações, e sem querer ser exagerado, até para melhor filme, porque não?! Mas como sabemos, filmes de baixo orçamento geralmente só tem uma única vaga na lista dos 10 melhores, esse ano ficou com “Minhas Mães e meu Pai”(que na minha opinião é bastante super estimado pela mídia).


Na trama, um casal muito gente boa (interpretados pelos ótimos: Jim Broadbent e Ruth Sheen) sempre tentam ajudar amigos a saírem de problemas. A casa deles vira um verdadeiro consultório e os diálogos são muito bem escritos e interessantes. Mas quem rouba a cena é Leslie Manville, uma dessas “pacientes”, talvez a pior de todas; consegue dar um ritmo alucinante a sua personagem e ao mesmo tempo a torna muito carismática. Ótimas risadas, naquela linha de piadas inteligentes que o Leigh escreve com maestria.

Gostei do filme e o aconselho a vocês! J

You Might Also Like

1 comentários

  1. Tive interesse por esse filme por
    vê-lo na lista de incados ao oscar, mas
    ainda não o vi.
    Ótima dica, vou conferir.

    Ps' Tb acho "Minhas mães e meu pai"
    super estimado.

    ResponderExcluir