Um por um, os vencedores do Oscar 2011 e meus humildes comentários:

Melhor Fotografia

A Origem

Merecido. Todos os prêmios desse grande filme foram merecidos.

Melhor Atriz Coadjuvante

Melissa Leo, por O Vencedor

Merecido, porém, acho que por conta da campanha, anti-ética e imprópria, que fez dizendo que merecia vencer e tal.... deveria , de castigo, não levar.

Melhor Animação em Curta-Metragem

The Lost Thing (Reino Unido/Austrália)

Não vi. Dizem que foi merecido.

Melhor Animação

Toy Story 3

Muito merecido. Melhor animação do ano. Mais um ano com ótimas animações.

Melhor Roteiro Adaptado

A Rede Social

Aaron Sokin é um gênio. Extremamente bem dado esse prêmio.

Melhor Roteiro Original

O Discurso do Rei

Não concordo mesmo. A Origem tem um ótimo roteiro e de longe o mais criativo.

Melhor Filme Estrangeiro

Em um Mundo Melhor (In a Better World) – Dinamarca

Viva o Dogma 95 (movimento que tanto adoro) ! Viva a Dinamarca e viva ao cinema bem feito! Suzanne Parabéns!

Melhor Ator Coadjuvante

Christian Bale, por "O Vencedor"

Como Christopher Waltz ano passado, Bale vence com grandes margens de vantagens. Apesar de eu ter adorado o Geoffrey Rush.

Melhor Trilha Sonora

A Rede Social

Acho um absurdo Hans Zimmer ter perdido...

Melhor Mixagem de Som

A Origem

Merecido!

Melhor Edição de Som

A Origem

Merecido!

Melhor Maquiagem

O Lobisomem

Um dos piores, talvez o pior, filme de lobisomen já feito. Levou Oscar de maquiagem.

Melhor figurino

Alice no País das Maravilhas

Chega a ser um absurdo Alice, que foi decepcionante, levar algum prêmio do Oscar.

Melhor Documentário (curta-metragem)

Strangers no More

Não vi. Dizem que foi merecido.

Melhor Curta-Metragem

God of Love

Não vi.

Melhor Documentário

Trabalho Interno (Inside Job)

Queria muito que LIXO EXTRAORDINÁRIO vencesse. Mas o prêmio foi justo. Esse Doc é demais!

Melhores Efeitos Visuais

A Origem

Prêmio que só tinha esse dono mesmo. Sem concorrentes!

Melhor Edição

A Rede Social

Merecido.

Melhor Canção Original

“We Belong Together”, de Toy Story 3

Randy Newman fez uma canção fantástica!

Melhor Diretor

Tom Hooper, por “O Discurso do Rei”

O pior de todos os erros da noite. Aronofsky ou Fincher mereciam bem mais. Sem falar no Nolan, que nem foi indicado.

Melhor atriz

Natalie Portman, por “Cisne Negro”

Merecidíssimo, Natalie interpreta divinamente e o Aronosfky a deixou de frente pro gol com certeza.

Melhor Ator

Colin Firth, por “O Discurso do Rei”

Oscar eu veio atrasado...já era pra ter vencido ano passado.

Melhor Filme

O Discurso do Rei

Nem de longe foi o melhor filme do ano.

Comentários - Vencedores - Oscar 2011




CATEGORIA

INDICAÇÃO 1

INDICAÇÃO 2

INDICAÇÃO 3

MELHOR FILME

Tropa de Elite 2

Os Famosos e os Duendes da Morte

Olhos Azuis

MELHOR DOCUMENTÁRIO

Uma Noite em 67

Dizi Croquettes

B1 – Tenório em Pequim

MELHOR DIRETOR

Zé Padilha – Tropa 2

Olhos Azuis ( José Jofilly)

Malu di Martino (Como Esquecer)

MELHOR ROTEIRO

Tropa 2

5x Favela

H.de Amor. Duram apenas 90 Min.

MELHOR ATOR

Wágner Moura (Tropa 2)

David Rache (Olhos Azuis)

MELHOR ATRIZ

Ana Paula Arósio(Como Esquecer)

Cristina Lago (Olhos Azuis)

Ingrid Guimarães(De perna pro ar)

MELHOR ATOR COADJUVANTE

Murilo Rosa (Como Esquecer)

André Mattos (Tropa 2)

Irandhir Santos (Olhos Azuis)

MELHOR ATRIZ COADJUVANTE

Tainá Muller (tropa 2)

Bianca Camparato ( Como Esquecer)

Denise Fraga ( As melhores Coisas do Mundo)

Meus votos no Prêmio dos Blogueiros de Cinema - Academia Kino Brasil

Pré - O Ritual - @vassilizai Cinema

Amnésia - Dicas de @vassilizai

Celular - Não dica de @vassilizai

Snow Cake - Dicas @vassilizai



É com imensa honra que criamos esse pequeno feito cinéfilo, um programa: "Tot@lmente Cinéfilos", que vai ao ar, AO VIVO, toda Sexta-feira às 23:00. http://br.tinychat.com/cinefilototal

Sejam bem vindos e viva o cinema!


Tot@lmente Cinéfilos AO VIVO , HOJE às 23:00 !! Entrem !!




Acompanhem o Oscar com a gente!


totalmentecinefilos.blogspot.com

Acompanhem o Oscar com a gente!

Splice (2010) - Não dica de @vassilizai


Terra dos Sonhos

Um filme belíssimo em todos os sentidos que esse adjetivo é capaz de alcançar. Assim começo escrevendo, humildemente, sobre esse longa, que me fez chegar às lágrimas em seu desfeixo muito sentimental. Nessa produção eu pude reencontrar uma das minhas atrizes favoritas, Samantha Morton. Para mim, já confesso, é o melhor filme dela. Ela tem ótimas atuações, sempre. Pode procurar qualquer filme dela que é bom. Confie neste cinéfilo que vos escreve, já viu quase tudo que ela já fez em relação à sétima arte.

Mas, voltando ao filme...

A busca pela oportunidade em um novo lugar, levam alguns personagens a se encontrarem e desenvolverem relações. Muito por conta do desejo de uma vida melhor de todos eles. A intensidade , quando eu digo isso pensem em carga emocional, transportada da tela para os espectadores é algo forte e torna tudo tão real que chega a dar medo e algumas situações.

O diretor consegue ter takes fenomenais e busca até o limite o que cada ator tem de melhor. Um trabalho sensacional digna de indicação ao Oscar(não lembro se foi indicado ou não, estou escrevendo esse texto sem o auxílio de nossa maior invenção do século passado...a internet.)

Aconselho muito, a todos vocês, meus amigos e amigas, a verem e se emocionarem com esse filme que provavelmente estará em alguma edição do meu livro...


Terra dos Sonhos - Dicas @vassilizai

Os Românticos (2011)

Junte atores e atrizes de séries de televisão (de todas as épocas) + um diretor com uma câmera indecisa e muitas vezes preguiçosa + um roteiro, até certo ponto bem adaptado + uma trilha sonora bastante interessante(e única coisa que eu realmente gostei no filme!) ... somatório disso é o novo longa, encabeçado pela mulher de Tom(quero sempre aparecer muito nos filmes) Cruise, Katie Holmes.

O novo longa romântico/adolescente(que promete ter boa bilheteria do público que acompanha os seriados americanos) não é um filme tão ruim. É uma história que demora um pouco a se encorpar, muitas vezes por longos diálogos(alguns chegam a ser maçantes e totalmente desnecessários à trama), chega em seu clímax num meteoro de traições subseqüentes que tentam chamar alguma atenção e adicionar um pouco de loucura, além de, algo pra se desenrolar até o fim, porém, bastante previsíveis todos os envolvimentos.

Na trama, amigos se reúnem para um fim de semana com ensaios e o tão esperado casamento de uma das protagonistas, a ganhadora do Oscar e os dentinhos separados mais charmosos do mundo do cinema, Anna Paquin. Mas existem histórias ali, naquele grupo, muito mal acabadas e a conseqüência disso é basicamente o filme.

Uma parte que gostei do filme foi a trilha sonora, que compôs muito com algumas cenas. Porém, é muito pouco para um longa que prometia ser um grande sucesso de público e crítica.

Veja e tire suas próprias conclusões! J






The Romantics

Que eu gosto da Hilary Swank como atriz é verdade. Mas tenho que confessar que nem tudo que ela faz é bom. Depois de sair maravilhado com a atuação dela em “Conviction”(2010), fui com fé para ver o seu mais novo filme, The Resident. Juro que não li uma vírgula qualquer sobre o filme, nem comentários do povo cinéfilo pelo twitter ou facebook, o que me fez querer acreditar mais ainda na história que iria ver.

Porém, o filme me decepcionou. Uma trama uniforme, sem momentos de tensão, nem aquele frio na barriga você sente. É como se tivesse vendo um filme sem emoção, e no gênero terror, uma produção sem emoção ou calafrios, não sobrevive à ira cinéfila! Como assim o Christopher Lee aparece poucos minutos e some do filme sem explicação? Justamente ele, que tinha o maior potencial de fazer a gente sentir algum tipo de mal estar emocional.

Jeffrey Dean Morgan tenta fazer um papel sombrio psicologicamente...sem sucesso. Talvez ele deva pedir para voltar a ser o pai da dupla de Supernatural(seriado).....

O diretor Antti Jokinen tenta inventar demais e aos 25 minutos consegue rebobinar a fita para vermos as ações em outra linha de visão...ficou péssimo. Me senti vendo “Ponto de Vista”.

Muito pouco para um filme que tem uma atriz com 2 oscars, e que, definitivamente não combina com filmes desse gênero.



The Resident (2011) – Não dica de @vassilizai

Chamada Totalmente Cinéfilos de 11/02/2011 - @vassilizai convida

Tot@lmente Cinéfilos no Oscar ! Aguardem !

Primeira Twittcam sobre cinema - 23 de agosto de 2010 !

Os Mercenários - NÃO DICA de @vassilizai


Começo dizendo que eu queria muito que o Tarantino dirigisse esse filme. Seria o novo “Kill Santo Cristo” ou “Cães de Jeremias”, ou até mesmo “Bastardos Inglórios de Santo Cristo”. Porém, isso é um sonho distante e não se realizará...

Uma das grandes(em infinitos sentidos) letras da música brasileira de todos os tempos parece, que enfim, vai ter seus versos e história(pra deixar qualquer Tarantino babando) retratados na grande tela retangular, a qual, carinhosamente chamamos de cinema. O elenco foi selecionado e infelizmente me deixou com a pulga atrás da orelha principalmente em relação a quem fará o papel de Maria Lúcia.

Não tenho absolutamente nada contra a Isís Valverde. Acho uma atriz com grande potencial, mas que, a meu ver, não está preparada para um papel tão dramático em um filme que tem potencial de sobra para ser um dos melhores, do ano em que for lançado. Torço, sinceramente que meu texto seja crucificado após a exibição e que o longa se torne um grande sucesso de crítica e público.

O sucesso do filme vai ser consolidado se em dois aspectos a produção do longa acertar na mosca. No roteiro adaptado(à letra) e na direção. A espinha dorsal desse filme passa em torno da rica história que o Renato Russo, à tempos atrás, pensou(provavelmente como se fosse um filme, creio eu); adaptar isso pra tela gigante retangular é uma tarefa árdua(sem dúvidas!) e sem querer falar outro pessimismo meu (porém, vou falar mesmo assim), não sei se a adaptação sairá boa como nós cinéfilos imaginamos. Mesmo assim, vamos torcer, pois queremos sempre ter orgulho do nosso cinema!


Segue a ficha que está rodando na internet:

Os personagens principais serão interpretados por Fabrício Boliveira (João de Santo Cristo), Ísis Valverde (Maria Lúcia) e Felipe Abib (Jeremias).


Fonte: Site Vírgula.

Direção: René SampaioRoteiro: Marcos Bernstein e Victor Atherino

Diretor de Fotografia: Gustavo Hadba

Diretor de Arte: Tiago Marques

Figurino: Valéria Stefani

Produção de Elenco: Marcela Altberg

Preparação de Elenco: Sérgio Penna

Produção Executiva: Bianca De Felippes e Marcello Ludwig Maia

Produção: Gávea FilmesCoprodução: Globo Filmes

Coprodutores: República Pureza e Fogo Cerrado

Finalização: O2

Patrocínios: Petrobrás, Volkswagen, Itaú BBA, Secretaria de Cultura/Fundo de Apoio à Cultura, Fundo Setorial do Audiovisual, FINEP, Ancine, Lei de Incentivo à Cultura, Lei do Audiovisual,

Ministério da Cultura.

Distribuição: Europa Filmes

Identidade Visual: Tecnopop

Making Of e Criação de conteúdo para o Portal Faroeste Caboclo: Raquel Valadares



Faroeste Caboclo - O FILME - Tarantino era para ser o diretor... Via @vassilizai


O mais legal de você ser cineasta, deve ser, quando termina uma obra e entra na sala de cinema pela primeira vez para rever o trabalho árduo reproduzido naquela imensidão de tela retangular, e todos(eu disse todos) os espectadores ficam pasmos com um final intenso, eletrizante e ao mesmo tempo glorificador. É assim que o Darren Aronofsky deve ter se sentindo na primeira exibição de seu novo filme “Black Swan”, ou, para nós brasileiros, Cisne Negro.



Já vi muito texto sobre esse filme na internet. Tem gente que idolatra (Né @clickfilmes ?), tem gente que acha muito legal mas tem suas ressalvas, e como sempre, existem os pseudos-críticos que querem denegrir a imagem de um dos filmes mais legais de 2010. Eu não sei se é inveja ou mesmo a opinião daqueles que comentam desaforos e banalidades em relação a filmes com conceitos diferentes e reproduções um pouco mais complexas, como é o caso desse novo filme do diretor de “Réquiem para Sonho”. Para esses últimos fica uma “pseudo-mensagem” de que a vida é simples mas viver não é.



Voltando a falar dessa belíssima produção, tenho que confessar que adorei a maneira como foi conduzida toda a trama. O que é raro, pois sou um chato que se apega a detalhes que nem mesmo o crítico com a melhor das visões às vezes consegue ver (rsrs). Aronofsky, com certeza, está em um patamar acima, ao lado de outros também excelentes, Nolan por exemplo...(dentre essa nova revolução dos cineastas americanos). Achei magistral a maneira como a Natalie Portman conduz sua personagem e a reprodução da busca pela perfeição da dançarina.


Os coadjuvantes também dão um verdadeiro show, compondo muito bem todas as lacunas que os personagens principais, propositadamente, deixam e dão, uma verdadeira sincronia, que leva aos poucos o roteiro ao máximo(seu clímax, quase que total). Vincent Cassel está excelente, Winona Ryder não quis “roubar” a cena (sem muitos risos por favor), Mila Kunis tem uma ótima atuação e Barbara Hershey dá um show!

É um filme que espero que chegue logo em DVD para eu colocar na minha instante ao lado de “PI” e “Réquiem para um Sonho”.



Cisne Negro, Obra fantástica de Aronofsky

Provável capa do meu novo livro! :)




Hoje tem Totalmente CInéfilos AO VIVO as 22:30 ! Estarei ao lado dos meus amigos @clickfilmes @gugaleso @jgxbr@a_nique @jr_nilson

Endereço do programa : http://br.tinychat.com/cinefilototal



Pauta de hoje (04/02/2011)

- Últimos filmes vistos pelos integrantes da mesa.

- O cinema de Danny Boyle.

- Discussão cinema brasileiro: Documentários brasileiros e o cinema de Eduardo Coutinho.

- Desconstruindo atuações: Carreira de Colin Firth.

- A política X o cinema

- Atrizes: Carreira de Natalie Portman

- Preparação do Oscar: Categorias de montagem e direção.

Tot@lmente Cinéfilos AO VIVO , HOJE às 22:30 !! Entrem !!

Irmãos Coen - Fargo - Dicas @vassilizai

Um Dia a Casa Cai - Dicas @vassilizai

Uma Vida sem Limites - Dicas @vassilizai