segunda-feira, 21 de outubro de 2013

Especial | Top 10 Sam Raimi


Samuel Marshall Raimi nasceu na cidade de Michigan,  no dia 23 de Outubro de 1959. O futuro diretor de sucesso foi criado no judaísmo conservador, fruto da criação de seus antepassados que ​​emigraram da Rússia e Hungria. Passou a infância recluso em casa e só começou a seguir o seu sonho – fazer cinema – depois que se formou em Inglês, antes dos 24 anos.  Raimi se tornou famoso do público cinéfilo por dirigir a série de filmes sobre o Homem-Aranha e a trilogia de clássicos de terror dos anos 80 Uma Noite Alucinante - A Morte do Demônio.

Raimi ficou fascinado em cinema quando o pai trouxe uma câmera de filme para casa. Assim, começou a fazer filmes em Super 8 com o amigo de infância de Bruce Campbell. Na faculdade, se  juntou com seus alguns amigos para rodar seu primeiro projeto, o curta-metragem Within the Woods (1978) , um filme de terror de 32 minutos que custou U$ 1.600. Com o pequeno sucesso do projeto, através da família , amigos foi capaz de financiar a produção do filme que mudaria sua vida, o clássico terror de grande sucesso Uma Noite Alucinante - A Morte do Demônio (The Evil Dead - 1981) que logo se tornou um sucesso e efetivamente lançou a carreira de Raimi.

Na década de 1990 , Raimi se mudou para outros gêneros , dirigindo filmes como o faroeste Rápida e Mortal, o thriller aclamado pela crítica, Um Plano Simples (1998) e o drama Por Amor (1999). Raimi alcançou outro sucesso comercial com o blockbuster Homem-Aranha (2002). O filme gerou duas continuações : Homem-Aranha 2 (2004) e Homem-Aranha 3 (2007), ambos dirigido por Raimi.

Uma curiosidade: antes de dirigir os filmes do Homem-Aranha , Raimi fez lobby para dirigir Batman Forever quando Tim Burton saiu do projeto, mas foi rejeitado e Joel Schumacher foi o escolhido. Uma pena, não? Alguma dúvida que Raimi faria um trabalho melhor que Schumacher?


Abaixo um Top 10 com os melhores filmes desse adorado diretor:


10.  Uma Noite Alucinante 3 (Army of Darkness, 1993)

Nesse filme, que fecha a trilogia mais famosa de Raimi, o herói Ash (Bruce Campbell) volta ao tempo e vai para o século XIV, onde enfrenta um exército de mortos-vivos. Esse exercito é liderado pelo Evil Ash o qual se separou do Ash original quando ele estava dentro do moinho no meio da floresta, em busca do Necronomicon. Um desfecho de um clássico trash para fã nenhum botar defeito.


09.  O Dom da Premonição (The Gift, 2000)

Nesse bom suspense estrelado pela australiana Cate Blanchett (Blue Jasmine) conhecemos sua personagem Annie Wilson, uma viúva, mãe de três filhos que possui dons psíquicos. Para ganhar dinheiro, Annie resolve utilizar seus poderes oferecendo leituras psíquicas aos moradores da cidade onde reside em Brixton, Porém, tudo começa a piorar para Annie quando ela começa também a ver o lado negro das pessoas ao seu redor, ao mesmo tempo em que ocorre um brutal assassinato na cidade. O desfecho da trama agrada alguns e não outros.

08.  Por Amor (For Love of the Game, 1999)

Misturando esporte, drama e amor, Sam Raimi investe no tom romântico conta a história do famoso arremessador do Detroit Tigers Billy Chapel (Kevin Costner) , um homem em conflito no seu lado amoroso já que sua mulher o está deixando e ele luta para que isso não aconteça. Entre dramas e com a cara fechada e amargurada de Costner, o filme como um todo acaba agradando a muitos tipos de público.


07.  Rápida e Mortal (The Quick and the Dead, 1995)

Depois dos filmes de terror, Sam Raimi investiu seu tempo e habilidades em um filme do gênero Faroeste. Em Rápida e Mortal, Sharon Stone (Blue Jasmine) é Ellen, mulher misteriosa que chega a uma cidade para se vingar de um homem que tornou sua vida um inferno. E um duelo entre os dois é o ponto do alto do filme que reúne todos os personagens e situações típicas do gênero.  O sumido Gene Hackman (O Júri) faz o vilão da trama.


06.  Homem-Aranha (Spider-Man, 2002)

Adaptado do famoso quadrinho de Stan Lee, Homem-Aranha já gerava expectativa antes mesmo de seu lançamento, Sam Raimi foi o escolhido por ser um grande fã de quadrinhos e um dos melhores diretores de sua geração. Na trama, Peter Parker (Tobey Maguire), um jovem estudioso que mora com seus tios, Ben (Cliff Robertson) e May (Rosemary Harris), desde que seus pais faleceram, depois de um acidente ganha poderes e habilidades de uma aranha começando assim um grande ciclo de aventuras cheia de emoções e vilões terríveis. Uma das melhores adaptações do mundo dos quadrinhos para as telonas.

05.  Arraste-me para o Inferno (Drag Me To Hell, 2009)

Voltando ao gênero que o consagrou, Sam Raimi escreveu com seu irmão o roteiro - e dirigiu - Arrasta-me Para o Inferno. Na trama, conhecemos Christine Brown (Alison Lohman), uma analista de crédito que vive com seu namorado, o professor Clay Dalton (Justin Long), em Los Angeles. Um dia, para impressionar seu chefe, ela recusa o pedido de uma senhora chamada Sylvia Ganush (Lorna Raver) para conseguir um acréscimo em seu empréstimo, de forma que possa pagar sua casa. Como vingança, a anciã joga uma maldição sobrenatural na vida de Christine. Um filme que fez lembrar os velhos tempos de Raimi.

04.  Homem-Aranha 2 (Spider-Man 2, 2004)

Nessa sequência do sucesso de Homem-Aranha, voltamos a acompanhar Peter Parker (Tobey Maguire), mais maduro e precisando lidar com problemas psicológicos e com a raiva crescente de seu melhor amigo Harry (James Franco), por considerá-lo o assassino de seu pai, e com o aparecimento de um novo inimigo: o Dr. Octopus. Essa sequência é superior ao primeiro filme em todos os campos: ação, emoção e história. Um grande trabalho de Raimi atrás das Câmeras.


03.  Um Plano Simples (A Simple Plan, 1998)

Em um suspense com um ótimo roteiro, somos premiados com um desfecho surpreendente. Em Um Simples Plano três diferentes personagens encontram, num avião abandonado, sacos contendo milhões de dólares. Eles ensaiam um plano simples para ficarem com o dinheiro se ninguém aparecer para reclamá-lo. Raimi poderia voltar a fazer mais filmes do gêneros, o cineasta tem a manha de criar a tensão e surpreender no desfecho.

02.  Uma Noite Alucinante 2 (Evil Dead II, 1987)

O filme começa com a reencenação de vários eventos vistos na produção anterior – fato que desagrada alguns fãs. O protagonista Ash (Bruce Campbell) e sua namorada vão a uma cabana abandonada na floresta para passarem alguns dias de romance. Na cabana, Ash ouve a fita de gravador deixada por um professor de arqueologia recitando passagens de um livro macabro, descoberto durante escavações recentes. A fala libera uma força demoníaca e o terror começa. Sem dúvidas, uma ótima continuação do clássico Evil Dead.

01.  Uma Noite Alucinante - A Morte do Demônio (Evil Dead, 1981)

Cinco jovens vão passar um fim de semana em uma cabana. Todos eles tem estranhas experiências, obviamente causadas pela presença ali do Livro dos Mortos que logo encontram. Ao reproduzirem certas falas de um arqueólogo que estavam perdidas no local despertam espíritos que estavam adormecidos e que habitam o bosque. Os espíritos começam a possuir os jovens um por um. Um dos maiores clássicos trash da história do cinema. Um filme para ter na coleção!

Nenhum comentário:

Postar um comentário